Categorias
Quadrinhos

Marvel Comics #1000

Lemos Marvel Comics #1000 e não é nada surpreendente.

Pelo visto as editoras americanas ficam sem ideias constantemente e quando surge algo que tenha uma bom resultado comercial copiam sem dó ou piedade. Este é o caso de Marvel Comics #1000. Após a DC Comics ter lançado a Action Comics #1000 e o Detective Comics #1000 não demorou nada para a Marvel Comics fazer igual.

Marvel Comics #1000 - b - Blog Farofeiros

A data comemorativa é significativa, como bom marvete é até provável que eu compre a edição física americana (se o dólar permitir). Sou adepto ferrenho dos quadrinhos digitais, mas algumas edições compro a versão física também. E por mais que eu reclame da falta de criatividade e do oportunismo da editora devo reconhecer que o trabalho editorial foi absurdo.

Spoilers de Marvel Comics #1000 seguirão, fique avisado.

O Marvel Comics #1000 comemora 80 anos da publicação de Marvel Comics #1. Publicada dia 1º de Outubro de 1939 e custando US$ 0,10 o gibi apresentou versões de Tocha Humana, Anjo, Namor, Masked Rider e Ka-Zar.

Miracleman, Star Wars e Conan são lembrados também. 

A ideia desta edição comemorativa é interessante: 80 histórias de 80 equipes criativas diferentes, uma página para cada ano da história da Marvel Comics. Não me surpreende que Al Ewing encabeçou o projeto. Marvel Comics #1000 não se trata apenas de uma homenagem, apesar de serem 80 histórias algumas delas são interligadas.

E como disse, já que lá 80 histórias, uma por página é impossível fazer um review muito minucioso. Além disso as referências contidas em algumas histórias, que prometem repercutir no presente, são informações arqueológicas e até o maior fã da Marvel que você conhece pode desconhecer! E este é meu caso.

Black Rider - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

Personagens como Black Mask, Masked Rider, mencionado acima, Thunderer, Three Xs, lembro apenas como referência. Suas histórias muito provavelmente nem foram publicadas no Brasil. Aliás, nem ousei traduzir a maioria dos nomes pois não consegui localizar referências nacionais desses personagens. Duvido que você saiba do que se Tessie The Typist, eu não sabia e ela é homenageada em Marvel Comics #1000.

Fica claro também que Roberto da Costa e Jimmy Woo estão tramando algo. E tudo gira em torno de uma máscara (ou Máscara Eternidade)  e do que os Three Xs planejavam.

Mas nem tudo é mistério, algumas coisas se resolvem lavando a roupa. O problema é que o Doutor Estranho só tem uma.

Doutor Estranho - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

Loki mentiu para si mesmo.

Loki - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

E o Hulk comeu um microfone no traço de Alex Ross.

Hulk comendo microfone - Alex Ross - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

A Marvel Comics colocou uma página com arte do Rob Liefield que eu preferi ignorar aqui, mas preciso avisar que tem essa porcaria no meio. Mas pelo menos tem o Deadpool roubando a lancha do Batman.

Deadpool - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

Ao final da edição temos uma revelação de Eternidade em pessoa que a Eternity Mask é feita com substâncias dele mesmo. A semelhança visual é óbvia, mas um resquício do poder de Eternidade na Terra andar despercebido depois de Guerras Secretas e Invasão Secreta é meio estranho.

O que me surpreendeu foi que em Marvel Comics #1000 temos a última história do brasileiro Mike Deodato Jr na Marvel Comics. Nas últimas páginas é mostrado que alguém está vigiando os heróis, Capitã Marvel, Jessica Jones e até Peter Parker (sem a roupa de Homem Aranha) estão em uma parede. Esta guerra de super seres teria começado há oitenta anos com o Tocha Humana original, mas irá acabar com o Masked Raider. Isso mesmo, o novo usuário da Eternity Mask… Mas só em 2020.

Masked Raider - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

Um novo Korvac também estaria a caminho e já não sei mais o que pensar, nem especular.

Korvac - Marvel Comics #1000 - Blog Farofeiros

Talvez algo como History of the Marvel Universe fosse uma homenagem melhor. Mas vamos ver no que vai dar, Al Ewing é mais que competente para entregar algo interessante para os fãs. O que você acha que dará essa história? Não deixe de comentar pois este marvete está meio desanimado com isso aqui.

Mas parabéns Marvel, você merece.

Por Rockerz

Pai. Marido. Gamer. Colecionador. Desenha, pinta, escreve e bebe. Hippie que resolve tudo.

Depois de tentar escrever a sério viu que a vida é uma piada e largou a mão da mídia tradicional para virar um comunista que só lê gibis de super herói norte americano.

6 respostas em “Marvel Comics #1000”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.