Esses quadrinhos de 1992 eram legais - Uncanny X-Men - Jim Lee - Blog Farofeiros

Esses quadrinhos de 1992 eram legais… JURO!

Escrito por | Quadrinhos


Quando eu tinha doze anos, a muito, muito tempo atrás, os quadrinhos de 1992 estavam no seu ápice de vendas… X-Men era excelente, a arte magnífica e tudo era lindo para um garoto de doze anos.

Vendo o lançamento de tantos gibis novos da DC Comics acabei lembrando daquela época, guardava o dinheiro contado para comprar os gibis… mas não eram qualquer gibi, eram os dos artistas da Marvel, que gostava tanto, fazendo gibis só deles sem a editora chata, feia e gorda por trás vigiando seus atos!

Jim Lee era d’eus e Marc Silvestri era “ocara”… até Rob Liefeld tava no meio… hoje pela manhã me vi tentando lembrar do que eu gostava naquela época, mas não ia rolar de eu procurar na casa da mamãe. Apelei para o Google, claro… porém… procurar algo que você só a imagem mental e uma piadinha infame, jamais publicada, é algo que nosso d’eus não permite…

Cassei e achei… se você viveu nessa época irá se assustar, se você nasceu nessa época… bem, fique feliz por seu nome não ser Liefield. Abaixo você vê o personagem que tentei lembrar o nome…

Stryker da Cyberforce da Image Comics - Esses quadrinhos de 1992 eram legais... JURO! - Blog Farofeiros
Não, ele não está mexendo o braço rápido demais…

Caso não conheça, lhe apresento Stryker, diretamente dos quadrinhos de 1992 um mutante ciborgue com quatro braços… três deles de um lado só… é idiota mesmo desse jeito… e é basicamente uma cópia do Cable tirada por alguém que tem parkinson… Isso sem contar que os braços são do lado direito, já pensou se o cara é canhoto? Acha que acabou? Humpf, e ele não vem só!

Capa de Cyberforce #1 - Esses quadrinhos de 1992 eram legais... JURO! - Blog Farofeiros
Capa de Cyberforce #1

Wolverine Ripclaw, Psylocke Cyblade, Ciclope Heatwave e Colossus Impact fazem parte do grupo de mutunas com implantes cibernéticos da malvada Corporação Cyberdata. A coisa é ruim mesmo do jeito que você está imaginando! Coisa dos quadrinhos de 1992.

Não preciso falar que o gibi foi mal né? Tanto por ser uma cópia descarada de X-Men como por ter histórias apelativas demais exacerbando sexo e violência, e mesmo assim até crossover com suas contra-partes da Marvel rolou…

Crossover entre X-Men e Cyberforce - Esses quadrinhos de 1992 eram legais... JURO! - Blog Farofeiros
As garras do Wolverine são de borracha ou adamantium?

Depois disso a coisa piorou tanto que chegamos na guerra da anatomia… onde Liefild era rei e Marc Silvestri criou esses dedos do Riplaw.

Ripclaw e seus dedinhos - Esses quadrinhos de 1992 eram legais... JURO! - Blog Farofeiros
Ripclaw e seus dedinhos

Os gibis americanos tem vivido um ciclo bem chato: eles acham que o gibi tem que ser atualizado para um público mais moderno e acabam chutando o pau da barraca com atualizações desnecessárias. O que me dá um nó na garganta é que sempre que falam em remodelar algo só o povo que era da Image Comics sabe fazer e isso! A Marvel teve bons números com Heroes Reborn também mas a que preço?

Anatomia Liefildiana - Esses quadrinhos de 1992 eram legais... JURO! - Blog Farofeiros
Anatomia Liefildiana

A imagem da direita é o original, o da esquerda é a gambiarra… mas o que eu quero que você avalie é que elas se encontram: músculos do peito super tortos, braço super curto, aguiazinha na testa igual ao do peito da Mulher Maravilha… e até os documentos ausentes na área frontal!

O mercado americano cada vez menor deveria ser um incentivo para que as editoras incentivassem novos projetos. Por exemplo? Scott Pilgrim, vendeu horrores pelo mundo todo e não precisou fazer a mesma escola de anatomia que o Liefeld fez; Umbrella Academy tem como um dos personagens principais um cara que transferiu sua cabeça para a de um corpo de um gorila E mora na lua… e ninguém precisou discutir a calça de um ou outro personagem!

Claro que estou generalizando e puxando a sardinha para o meu lado, são os últimos gibis que gostei mesmo! E o que eles tem em comum? Diversão… é pedir muito que um gibi faça a gente se divertir?


Última alteração: 25 de março de 2019

15 Responses to :
Esses quadrinhos de 1992 eram legais… JURO!

  1. Luiz Zamboni disse:

    Eu até curtia, mas hoje não curto mais, por uma série de coisas. Hoje eu prefiro um desenho mais anatomicamentes e fisicamente correto, tenho mais consciência de certas coisas, vejo uma vontade muito forte de mostrar os músculos e a sensualidade “a qualquer custo”…

    • A musculatura é exagerada demais, todos os superherois tomam esteroides anabolizantes ao exagero, inclusive ADE e sintrol. A nível de alterofilistas (o que não quer dizer que seja saudáveis e ágeis para salvar vidas e combater em guerras).

    • O caimento das roupas e o material não existe, uma parte coberta por tecido mostra o mesmo nível de definição de uma parte que está nua, impossível isso, só se eles se pintam ao invés de se vestirem. Tipo a Globeleza.

    • A indumentária não faz nenhum sentido , não é funcional, e qualquer adulto enxerga isso. Na image comics então isso era absurdo. Pq que a pslock tem duas tiras, dois aneis de tecido soltos nas pernas ? Que porra é essa meu ? E o fio dental ???

    • Fora os “Rostos iguais” do jim Lee.

    Veja por exemplo o reboot da DC os uniformes estão muito mais condizendes com combatentes ao crime,

  2. Rockerz disse:

    … tem um trollface atrás do Banshee… Problem?

  3. Chewbacca Jr. disse:

    A capa é igualzinha à versão americana, incluindo a chamada (ó: http://3.bp.blogspot.com/-G22NYTqYPck/TmegP7bKndI/AAAAAAAACu8/rE-gU6uQQg8/s1600/oldhawk.jpg).
    Puxe pela memória: O Columba original irmão do Rapina faleceu em Crise salvando aquelas crianças… depois disso o Rapina ficou meio pirado. Foi quando apareceu a Dawn, que era a nova Columba sem que o Hank soubesse. Por isso a história de juntos novamentes pela primeira vez. “Novamente” pq era a dupla Hawk & Dove e pela “primeira vez” pq era a nova Dove, sacou? ^^

    Olhe.. agora eu também fiquei com a pulga atrás da orelha. Fui pesquisar. Este parece que foi o primeiro trabalho do Liefield… Na verdade, se você for olhar a arte da revista, jamais dirá que foi o Liefield! Pq as coisas estão no lugar e há muita coisa ali que sabemos que ele não sabe desenhar. A coisa é que o Karl Kesel era roteirista e arte-finalista e parece que arte-finalizou bem o suficiente para deixar a “arte” do maldito Liefield decente. Descobri uma coisa que eu não sabia! O Liefield decidiu por conta própria mudar a orientação da revista e colocar tudo no formato landscape cada vez que o povo aparecia na dimensão do caos! kkkkkkkk O editor quando viu teve um troço. Imagine o gira-gira que seria pra ler a revista! Por isso o editor recortou todos os desenhos, colou-os no formato adequado e mandou pro Kesel terminar de ajeitar! LOL Liefield fdp!

    1. Rockerz disse:

      Tem cenário?

      Qto ao Liefild não duvido de mais nada. A quantidade de amigos que ele tem deixa qualquer tipo de manifestação contra a “arte” dele no chinelo… vi uma entrevista dele no Newsarama outro dia… ele desenha dois gibis, escreve um e ainda pega “talentos” do seu fórum oficial… LOGO, se você quer trabalhar com gibi nos EUA puxe o saco do Liefild!

  4. Gary disse:

    Não me agrade esses reborns. Eles se perdem muito. E sinceramente talvez seja isso que esteja afastando ainda mais o pessoal.

    1. Rockerz disse:

      Olha Gary, para a molecada pode até ser bacana… mas para pessoas como eu, que coleciona quadrinhos a muitos anos é uma merda mesmo!

  5. Chewbacca Jr. disse:

    Comprei umas WildC.A.T.S. e uma Gen13… não gostei.
    As revistas da Image no Brasil eram em formato comics, com um papel melhorzinho. Acho até que este era um dos apelos da época. Mas comigo não funcionou. Mas vou concordar com esta história de formatinho, pq o desgraçado do peste do infeliz do Liefield (ah! ando tão irritado com este camarada…) desenhou Rapina & Columba naqueles tempos e a Abril publicou em formatinho… e eu adorava a revista (óia ela http://www.sebodomessias.com.br/loja/imagens/produtos/produtos/148273_947.jpg). De fato, não guardo lembranças de ficar chocado com os desenhos. Quando tiver um tempinho, vou procurar estas revistas e fazer uma releitura visual pra desencargo de consciência.

    1. Rockerz disse:

      Wildcats eu não gostava… Gen 13 sim… e sim, o formato era um grande chamativo… diziam que era a única maneira de se publicar comics no Brasil, pelo valor da impressão… E se essa foto aí é desenho do Liefild devo avisar que tá até bom!

      O que achei estranho mesmo foi a chamada da capa: JUNTOS NOVAMENTE PELA PRIMEIRA VEZ?!?! WTF?

  6. Timbricius disse:

    As atrocidades não apareciam porque naquela época você via vários estilos e os compreendiam dessa forma. Hoje em dia tudo parece uma mistura de Jim Lee com mangá!

  7. Chewbacca Jr. disse:

    Obrigado, Rockerz! Vc me fez relembrar o que eu levei quase 20 anos pra esquecer! òó
    Se eu pudesse voltar no tempo, apagaria a Image da existência! Até hoje eu olho atravessado pra editora Globo por ter empurrado este lixo no Brasil dizendo que era a coisa mais espetacular do mundo.

    1. Rockerz disse:

      @Rod
      Mas você também comprou não?

      @Tim
      Anda acho que é devido o formatinho do gibi…

  8. Tinúviel disse:

    Eu tenho (ou tinha) o gibi da primeira imagem… e sinceramente, gostava bem mais do traço naquela época.

    1. Rockerz disse:

      Era formatinho… as atrocidades não apareciam por conta do tamanho! XD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.