Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Jessica Jones a Segunda Temporada da série da Netflix

Escrito por | Séries

Jessica Jones a segunda temporada da Netflix estreou e assistimos tudo.

Jessica Jones a segunda temporada da Netflix estreou recentemente no serviço de streamming todos seus treze episódios. Inspirado nos quadrinhos na Marvel dessa vez a série não conseguiu me convencer tão bem quanto sua primeira temporada.

Dessa vez parece que simplesmente esqueceram como é a personagem e Jessica Jones a segunda temporada fica aquém da primeira. Não chega a ficar ruim, pelo menos não de inicio… Mas o final…

Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Tem alguma coisa errada aqui…

O final da segunda temporada de Jessica Jones me deixou aborrecido, uma série promissora parece ter perdido um pouco do jeito da coisa. A primeira temporada é sem dúvida memorável e tenho que coloca-la no pedestal como uma das minhas séries favoritas.

A segunda temporada não é de toda ruim, mesmo com altos e baixos podemos dizer que ela tem uma história interessante e consistente. O problema mesmo para mim é seu final, nele tudo o que chamei de pequeno problema durante a série se transforma em um monstro que não consigo enfrentar. Mas vou chegar lá, antes vamos ver tudo que culminou nesta minha ravinha.

Sim, teremos muitos SPOILERS de Jessica Jones a segunda temporada a seguir.

Começando do começo

O início é confuso, muito do que rolou na primeira temporada parece ignorado. Defensores então foi totalmente ignorado, com pequenas referências do resto do universo dos personagens Marvel na Netflix. Para falar que tudo é ignorado as Industrias Rand são mencionadas e Fog Nelson fala duas frases.

A segunda temporada de Jessica Jones deveria ser uma nova série chamada Trish Walker. Toda a confusão e boa parte da parte ruim sai de suas mãos por conta de dependência química e, principalmente, carência. A mulher é tão carente que esta disposta a fazer qualquer coisa para chamar a atenção e se sentir superior a Jessica Jones.

Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Vai queimar o filme?

Os subplots são interessantes e se desenvolvem bem mas diversas pontas ficam abertas e nada é concluído. Esse é outro problema do final de Jessica Jones a segunda temporada, mas ainda não é hora de falarmos do final.

Apesar da história central ser (ou deveria ser) em torno de como Jessica Jones conseguiu seus poderes. Muitos detalhes são dados mas sempre Trish está no meio, sempre atrapalhando tentando ajudar e isso irrita. Inclusive se você ler as sinopses oficiais em português da Netflix você poderá conferir que a personagem problemática está sempre causando alguma encrenca.

O surgimento da mãe de Jessica deveria ser algo extremamente bem trabalhado, mas isso só se consegue perto do final da série. Não foi dado tempo para o espectador ter uma relação com a personagem para que pudéssemos sentir o impacto de sua morte. 

Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Você disse que o Luke Cage não aparece na segunda temporada?

Mais e mais críticas

A bebida, os super poderes, o gênio e seu relacionamento com Luke Cage são os pilares da personagem, mas não são os pilares de Jessica Jones a segunda temporada. Depressiva e com a mesma raiva do mundo de sempre mas controlando seu gênio e principalmente se apaixonando pelo zelador latino sexy.

Aliás Trish Walker também tem um namorado sexy, inteligente e perfeito. Esses modelos masculinos me irritaram. Além de cara de “amante latino” uma trama que poderia ser interessante com o namorado de Trish simplesmente é esquecida. Ele estaria passando informações da investigação de Jessica Jones sobre a IGH para uma fonte misteriosas… Mas ele termina com a moça e vai virar fazer cobertura da guerra na Síria. A série termina sem esse subplot se concluir e se mostra sem importância.

Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Não vai dar para segurar essa barra.

O relacionamento de Jessica Jones com o zelador/falsificador/artista/amante latino é fraco e com pouca substância. O que será preciso acontecer na terceira temporada? Será que vão mata-lo para aí sim surgir Luke Cage e fazer finalmente surgir o relacionamento dos dois?

A história da advogada Jeri é a mais surpreendente e esta sim segue o ritmo original que vimos na temporada anterior de Jessica Jones. Sua conclusão é realmente surpreendente e para mim foi um dos pontos altos da série. Colocar David Tenant novamente como o vilão Killgrave apenas em um episódio e “apenas” dentro de sua mente foi um golpe baixo da produção com os fãs.

Sei que seguir os quadrinhos em outra mídia é complicado, mas estão indo longe demais sem um bom motivo. Aliás nos quadrinhos Jessica Jones teria sua origem bem próxima a do Homem Aranha, mas é óbvio que isso não poderá ser explorado por conta das diferenças entre o MCU e o universo de heróis do Netflix.

Jessica Jones a Segunda Temporada da Netflix

Stan Lee casando Luke Cage com Jessica Jones nos quadrinhos.

O trágico final da série parece não ter afetado os personagens como deveria. Trish (sempre ela) deveria estar muito mais abalada e sua relação com as drogas é preocupante. A série simplesmente mostrou que drogas são boas se você tem inveja da sua irmã adotiva que te super poderes. E meus amigos, isto é extremamente irritante, nem aguento escrever mais o nome dela. Na terceira temporada (sim, haverá uma) com certeza teremos a presença de Hellcat… Mas esta versão provavelmente será viciada em drogas e bem desequilibrada.

Um final feliz era tudo que a Jessica Jones não deveria ter. Assim sua luta pela superação se transforma em algo que levará a heroína a comprar uma casa no subúrbio com sua nova família. E quem virá para matar todos eles na próxima temporada?

Última alteração: 20 de abril de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.