Categorias
Games

Final Fantasy Crystal Chronicles

A saga Final Fantasy finalmente chega ao Cubo da Nintendo… quer dizer… mais ou menos. Este é um Final Fantasy Crystal Chronicles, bem mais diferente do que eu esperava.

Para começar o jogo só tem de Final Fantasy o nome… este game também não é um RPG nem de longe. É mais adventure do que Zelda Wind Waker por exemplo. Tirando esses fatores o diferente Final Fantasy Crystal Chronicles é legal. Tá certo que em determinados momentos você precisa ter mais jogo de cintura para driblar os inimigos do que para bater… Aqui o melhor ataque é o drible.

Destaco pelo fator multiplayer… Bem que eu gostaria de ter jogado. Só que aqui na nossa terra é meio complicado você arrumar mais três amigos que tenham GBA (uns R$ 400) mais o cabo de conexão com o Game Cube (mais R$ 40)… Isso é um preço alto demais para um jogo de multiplayer. Mas é uma feature interessante, adoro esse tipo de integração entre o console e o minigame.

Final Fantasy Crystal Chronicles é assim, ou você joga sozinho (com GBA aparece um mapa extra, sem ele seu jogo não é afetado) ou você joga em quatro. E é justamente a maior falha do jogo. Não poderia haver um modo para dois ou três jogadores??? Não, é oito ou oitenta mesmo.

Esperei demais por esse jogo… Me decepcionei também, mas como disse é legal. O jogo não vai entrar para minha lista de jogos ruins. A aliança Square Enix ainda tem que trabalhar melhor no console de nova geração da Nintendo. O Final Fantasy exclusivo do Game Cube não tem cara de Final Fantasy na minha opinião.

Ah, também não tem Chocobo, mas tudo bem, prefiro um dos carros de Need For Speed – Underground mesmo.

Por Rodrigo Castro

Pai. Marido. Gamer. Colecionador. Desenha, pinta, escreve e bebe. Hippie que resolve tudo.

Depois de tentar escrever a sério viu que a vida é uma piada e largou a mão da mídia tradicional para virar um comunista que só lê gibis de super herói norte americano.