A Crise do Facebook - Hulk

A Crise do Facebook

Escrito por | Pensamento

A crise do Facebook: vai acabar tudo!

Perdão pelo título sensacionalista, mas o faço sem vergonha pois acredito que a crise do Facebook seja real. O melhor de tudo mesmo é que estamos assistindo tal crise, mesmo sem ninguém perceber.

O Facebook perdeu algumas chances de se tornar a própria internet. As vezes o Google impediu, mas na maioria das vezes grandes sites simplesmente ignoraram seus apelos. Hoje a rede social tem monetização própria para artigos diversos além da famosa propaganda viral. O Instant Articles promete um retorno parecido com o do Adsense, do Google, além de carregamento dez vezes mais rápido que uma página normal.

A propaganda viral é graças aos seus medonhos e inescrupulosos algoritmos que detectam palavras chave perto de seu celular e em suas conversas no Whatsapp. Sim, a vilania de Mark Zuchenberg é deste tamanho.

Dito isto preciso falar efetivamente da crise do Facebook. Ganha-se muito dinheiro com marketing ainda. Boa parte dos profissionais da área colocam como mandatório impulsionar publicações de maneira constante, independente da indexação do site em sites de busca. Visto que a linha do tempo de cada usuário não apresenta tudo o que ela segue ou curtiu, ela mostra o que o Facebook deseja, e este é o problema.

A Crise do Facebook

Chamo de crise do Facebook a saída ou o simples desprezo de algumas empresas com sua forma de entregar propaganda aos seus usuários. Afinal é um investimento constante e crescente para atingir mais e mais pessoas. Se um artista tem um show marcado e faz uma publicação quanto a um show, avisando quem os segue, é preciso que ele pague muito dinheiro para que todos seus seguidores vejam tal notícia.

Isso também vale para notícias mentirosas, ofensas gratuitas, disparates políticos e também serve bem o click bait. Tudo isto é visto com maus olhos por uma parcela intelectualmente sadia da população que não pode simplesmente acreditar em sua linha do tempo no Facebook.

A crise do Facebook trata de empresas importantes cada vez mais largando a sua linha do tempo. Gastos elevados para um marketing intrusivo não deve ser bom para marcas que prezem por seu valor.

Nós precisamos utilizar tal ferramenta por enquanto, mas não queremos e não gostamos, afinal nosso trabalho é minimizado por uma empresa que quer mais e mais nosso dinheiro. Obviamente, sem retornar o investimento.

Até o momento não sabemos o que fazer para crescer, ir para outra rede social que mostre tudo o que a pessoa gosta em sua linha do tempo? Compartilharei isto no Facebook.

Pensamento do Dia

Quando você diz isso, é marketing. Quando dizem isso, é uma prova social.
– Andy Crestodina

Isso que eu nem falei tudo, já pensou se falo sobre privacidade aqui também? Sem falar que semana passa o assunto foi preconceito nerd. Ousado? Eu? Vou para o além e avante.

Última alteração: 20 de abril de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.