Categorias
Quadrinhos

Grandes momentos LGBTQIA+ da Marvel Comics

Conheça alguns dos grande momentos LGBTQIA+ da Marvel Comics!

As principais editoras de quadrinhos gingas não deixaram o Mês do Orgulho LGBTQIA+ em branco, mas gostaria de destacar algo específico dessa vez, os grandes momentos LGBTQIA+ da Marvel Comics. Publicado como um “extra” no gibi Marvel’s Voices: Pride o Big Gay Moments da editora me surpreendeu por mostrar acontecimentos no passado de seus quadrinhos em um mundo diferente de hoje.

A maioria deles acompanhei nas edições mensais mas é fato de que em sua devida época eles não receberam o devido destaque que mereciam. Não posso dizer que tudo são flores e rosas, muitas das histórias tem problemas, mas no geral há uma notável intenção de inserir esses personagens com histórias não heteronormativas no decorrer do anos.

O protagonismo também é pouco, mas nos anos mais recentes podemos ver uma melhora na representatividade. Que continue assim, quanto mais diverso os quadrinhos melhor para nós fãs. Para que os dados continuem corretos utilizamos a cronologia de lançamentos e a data dos EUA – no Brasil é uma bagunça.

Grandes momentos LGBTQI+ da Marvel Comics - Blog Farofeiros

New Mutants #45

A história dos Novos Mutantes de 1986 mostra Kitty Pryde dando um discurso sobre representatividade e rótulos prejudiciais. Enquanto o discurso aponta para o preconceito sofrido por mutantes pode-se traçar claramente os paralelos entre o ódio contra mutantes e a homofobia.

Alpha Flight #106

Jean-Paul Beaubier, o mutante Estrela Polar, se declarou homossexual em 1992. O membro da Tropa Alpha possui super velocidade, voo além de disparar raios. Recentemente se casou com Kyle Jinadu em uma bela cerimônia.

Marvel Comics Presents #151

A primeira aparição de uma personagem declaradamente transsexual em 1994: Jesse Drake. A personagem não apareceu desde o lançamento do gibi, mas ressurgiu nesta edição de Pride ao lado da Gata Negra. Ela conta com o poder de empatia metamórfica: onde ela pode tomar a forma de quem estiver ao seu redor.

X-Force #118

Essa X-Force é uma equipe cheia de problemas e histórias de gosto duvidoso, porém mostrou o primeiro beijo gay em 2001. O que é um absurdo, convenhamos. Se em 1992 o primeiro personagem gay declarou sua orientação apenas 9 anos depois houve uma demonstração de amor entre duas pessoas do mesmo sexo.

Rawhide Kid #1

Em 2003 foi lançada essa minissérie que redefiniu o personagem como homossexual no Velho Oeste contando com romance e humor. Tudo para salvar Wyatt e Morgan Earp.

X-Factor #45

O primeiro beijo entre o casal Rictor e Shatterstar, o casal mutante bem esquentadinho só teve seu momento em 2009. Estou ansioso para ver o reencontro dos dois em Krakoa.

Grandes momentos LGBTQI+ da Marvel Comics - Blog Farofeiros

Avengers: Childre’s Crusade #9

Edição de 2012 onde Wiccano e Hulkling ficaram noivos. Aqui no Brasil tal edição ganhou destaque por ter sido censurado por Marcelo Crivella, ex-prefeito do Rio de Janeiro, na bienal do livro de 2019. Se você quiser ver mais beijos gay nos quadrinhos tem mais alguns aqui que juntamos só para mostrar como o amor é lindo.

Astonishing X-Men #51

Em 2012 vimos finalmente Jean-Paul e Kyle Jinadu se casarem em uma cerimônia bem impressionante no primeiro casamento de pessoas do mesmo sexo da Marvel Comics. Na minha humilde opinião esta é também a cerimonia matrimonial mais bonita dos quadrinhos até hoje.

All-New X-Men #40

Em 2015 o Homem de Gelo finalmente se declarou gay. Sua conturbada história só teve uma resolução por conta da bagunça criada onde o jovem Homem de Gelo enfrenta o Homem de Gelo maduro. Mas só em Iceman #1 de 2017 que vemos mais detalhes e as consequências de sua revelação.

America #7

America Chavez é sem dúvida um dos personagens mais poderosos dos quadrinhos e em sua origem é mostrado sua orientação sexual – além de mostrar suas mães e um universo regido apenas por mulheres em 2017. Em Vingadores da Costa Oeste vemos que ela inclusive encontrou um novo amor.

Runaways #12

Depois de anos, em 2018, finalmente vemos um beijo entre Nico Minoru e Karolina Dean. Esse foi realmente muito demorado viu… E é uma pena não poder ver esse relacionamento surgir na série de TV.

History of the Marvel Universe #2

O relacionamento de Mística e Sina foi algo muito comentado por décadas, mas só em 2019 foi mostrado um beijo entre as duas nesta edição que reconta a história do Universo Marvel. A relação é tão importante que poderá ter ramificações infernais em breve.

Immortal Hulk #32

Vimos em 2020 que Charlene McGowan se declara transsexual em meio ao terror de Hulk Imortal.

Empyre #4

Wiccano e Hulkling se casaram em segredo no espaço em meio uma guerra de impérios intergalácticos. Não sei se pode ser considerado romântico, mas com certeza foi algo impressionante, espacial e luxuoso.

Grandes momentos LGBTQI+ da Marvel Comics - Blog Farofeiros

Mas quem mais é LGBTQIA+ na Marvel Comics?

Apesar do tema não ser utilizado frequentemente nas histórias os personagens LGBTQIA+ na Marvel Comics são muitos. Além de diversos alguns tem um protagonismo absurdo, são eles: Deadpool (pansexual), Vivan Vision (homossexual), Loki (pansexual), Aneka e Ayo – guardiãs reais de Wakanda (homossexual), Serpente da Lua (homossexual), Phyla-Vell (homossexual), Noh Varr, Angela (homossexual), Daken (bissexual) entre outros. Vale lembrar que o primeiro super humano da história deste universo também era gay e agora até um Capitão América gay existe.

Bom demais né? Sim, é muito bom, mas ainda é pouco. A cultura do ódio, o preconceito e a intolerância se desenvolveram demais nos últimos anos, assim cabe a nós trazer luz ao tema e nos posicionarmos contra toda essa ignorância.

Por Rodrigo Castro

Guru de bobajada, coach de piadas sem graça e sommelier de ironia. Também é leitor de gibi e jogador profissional de videogames no easy.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.