World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Teldrassil em chamas

World of Warcraft na Blizzcon 2017

Escrito por | Games

A apresentação de World of Warcraft na Blizzcon 2017 mostrou uma série de novidades e detalhes do que se planeja para o jogo. Mudanças como o servidor Clássico e a remoção de mundos Jogador x Jogador são bons exemplos de como as mudanças são profundas.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 – WoW Clássico

O servidor oficial com o conteúdo vanila é anunciado (mas não está pronto). Este tipo de servidor é solicitado constantemente pela comunidade que vez ou outra lança um servidor pirata de WoW Vanila. Finalmente haverá um novo tipo de jogo para agradar os velhos que não aguentam mais expansões. 

… como eu.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 – Battle for Azeroth

Apesar da comoção criada em torno do servidor Clássico a grande estrela da apresentação de World of Warcraft na Blizzcon 2017 foi a nova expansão

Aparentemente seguindo os modelos de World of Warcraft Cataclysm haverá novos mapas, mas mapas antigos serão alterados drasticamente.  Undercity foi destruída enquanto Teldrassil foi incendiada, as repercussões desses brutais ataques são o que motivará a intensificação da guerra entre facções. No trailer cinemático podemos ver que Sylvanas continua na liderança da Horda enquanto Anduin lidera a Aliança e muda de classe no meio do combate. Cheater?

Raças Aliadas

Uma das principais novidades de World of Warcraft na Blizzcon 2017 foi o anuncio das Raças Aliadas. No momento são seis anunciadas, três para cada facção, e existe o plano de agregar mais raças aos aliados. Depois de simplesmente eliminar as habilidades raciais a Blizzard as trás de volta em um momento de explosão de novas raças jogáveis. 

Não traduzi os nomes pois sempre joguei o game em inglês e como a tradução da Blizzard Brasil normalmente discorda da minha resolvi deixar como no original.

Para a Horda ficaram os Trolls de Zandalari, Nightborne e os Highmountain Tauren.

Para a Aliança ficaram os Void Elves, Dark Iron Dwarves e os Lightforged Draenei.

Os Highmountain Tauren, tauren das alturas de Broken Isles, terão as seguintes habilidades raciais anunciadas: 
Rugged Tenacity – Reduz o dano recebido.
Pride of Ironhorn – Habilidade de mineração aumentada além de maior velocidade.
Mountaineer – Aumento da versatility.
Bull Rush – Dá uma carga para frente empurrando os inimigos.
Waste Not, Want Not – Dá a chance de conseguir mais peixes ou carnes de loot.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Highmountain Tauren - Raças Aliadas

Lightforged Draenei, os draenei que enfrentam o mal em Argos, terão as seguintes habilidades raciais:
Light’s Judgement – Dano em área de energia sagrada.
Forge of Light – Invoca uma forja de luz que permite usar a profissão de ferreiro além de aumenta a habilidade.
Demonbane – Experiencia ganha por matar feras é aumentada.
Holy Resistance – Reduz o dano sagrado recebido.
Final Verdict – Quando você morre a luz vem até você, causando dano à inimigos e curando aliados em área.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Lightforged Draenei - Raças Aliadas

Todas as novas raças terão opções extras de configurações visuais de acordo com a raça como chifres, cores, barba, tatuagens, runas etc. Além disto os personagens das raças aliadas começaram do level 20.

Mudanças, muitas mudanças

Com Lordaeron e Teldrassil se tornando territórios contestados a tenção sobre a Horda controlar totalmente Kalimdor e a Aliança controlar totalmente Eastern Kingom se intensifica. Não haverá inimigos ou mal terrível que forçará as facções lutarem juntas (pelo menos por enquanto). 

Nesse clima tenso Thrall voltará a ter destaque ao lado de Sylvanas na Horda. Anduin terá que lidar com Jaina overpower… será que o pseudo romance entre Jaina e Thrall ressurgirá?

World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Heróis da Horda e Aliança

O gameplay do jogo receberá diversas mudanças também. As áreas agora serão automaticamente escalonáveis, ou seja, um monstro level 20 será osso duro para seu personagem level 120 (ou nem tanto). Além disso as áreas de expansões antigas serão mais flexíveis, tanto Outland como Northrend serão agora áreas que vão do level 60 ao 80. Esta mudança afeta todo o loot assim como as dungeons também.

O sistema de relíquia agradou os desenvolvedores e agora no lugar da arma lendária você terá o Coração de Azeroth. Prometem uma versão simplificada do sistema, mas é a mesma coisa pelo visto. O amuleto será carregado com o metal Azerite (prepare-se para caçar por todos os cantos).

Particularmente odiei o novo sistema de Legion e confesso que foi um dos motivos de eu ter me irritado e largado o jogo (de novo).

Island Expeditions

Island Expeditions são cenários onde Aliança e Horda lutaram por recursos em um modo cooperativo de três jogadores. Não haverá necessidade específica de tanque ou curandeiro. Quando você sai em uma expedição você não saberá onde chegará nem mesmo se você já tiver ido à ilha. É prometido uma nova experiência com NPCs com IA estratégica que não agirão como chefes de dungeons por exemplo, com seus movimento roteirizados.

Será um modo PvE mas terá um modo PvP também.

Warfronts

Conflitos em larga escala no front de batalha simulando experiências anteriores como os jogos de Warcraft originais, será um RTS dentro do MMO. O modo contará com 20 jogadores da sua fação contra exércitos inimigos.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Warfronts

Será necessário caçar recursos, construir edificações, pesquisar tecnologias e coordenar tropas para a batalha. Houve um boato de que a Blizzard lançaria um novo Warcraft… talvez este seja o game de que falavam.

World of Warcraft na Blizzcon 2017 - Warfronts

Novidades do PvP 

É prometido apenas um novo Battleground, mas a batalha em Silithis por recursos voltará a ter relevância por conta das minas de Azerite.

Mas a principal mudança vem mesmo para quem ama o World PvP, normalmente amado por aqueles entediados que se juntam para campear deslealmente jogadores sozinhos ou com equipamentos piores. Esse é o mesmo sistema adotado desde 2005 praticamente. 

A questão é que para solucionar esse problema a Blizzard resolveu simplesmente acabar com a diferença entre servidores PvP e PvE. Agora todos terão o mesmo modelo PvE, com a possibilidade de ligar ou desligar o PvP no mundo. É prometido caçadas e ganhos extras de quests para quem conclui-los com o PvP ligado.

É, você não vai poder mais ficar fazendo videozinho de como seus vinte amigos conseguem matar um jogador. 

Novidades do PvE

Foram prometidas na na apresentação de World of Warcraft na Blizzcon 2017 dez dungeons novas no lançamento de Battle for Azeroth separadas por fação! Provavelmente serão cinco de cada lado e cada uma deverá seguir uma história local, de acordo com a sua facção. Todas as dungeons serão liberadas para ambas facções no level 120 do seu personagem.

Group Finder ganhará uma atualização para permitir encontrar grupos mythic+ mais fáceis.

Uma nova raid já foi anunciada, Uldir, Halls of Control terá oito chefes. É um local de quarentena dos Titãs.

E você, viu tudo o que queria ver de World of Warcraft na Blizzcon 2017 ou faltou algo? Para mim eles poderiam baixar o preço da expansão, matar a Sylvanas (de novo) e largar essa porcaria de sistema de relíquia para as habilidades.

Última alteração: 4/11/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *