Categorias
Quadrinhos

Fui enganado por Empyre #1

Nunca achei que cairia de novo numa arapuca da Marvel Comics, mas fui enganado por Empyre #1

Preciso me retificar aqui. Acabei de ler o gibi do novo evento cósmico da Marvel Comics com diversos alienígenas além do Quarteto Fantástico e os Vingadores. E a impressão que tenho é que fui enganado por Empyre #1, mas no bom sentido da palavra.

Já faz uns meses que a editora tem mostrado alguns detalhes do que está por vir, e por isso mesmo fui surpreendido de uma maneira que não esperava. Empyre #1 é escrito por Al Ewing e Dan Slott e conta com arte de Valerio Schiti e Marte Gracia e teve seu lançamento dia 15 de Julho de 2020 nos EUA e, obviamente, ainda é inédito no Brasil, fique avisado que spoilers virão a seguir.

Mais uma vez aviso, vou soltar spoiler, é um gibi curto e apenas o primeiro da história e o que vou comentar a seguir já aponta para uma direção totalmente diferente do que se imagina. Tanto no preview de Empyre #1 como na Empyre Magazine a Marvel Comics colocou para o leitor uma trama básica mas razoável, a grande briga, para mim, seria a união dos impérios Skrull e Kree. Isto sozinho já seria motivo para uma saga espacial.

Os Cotati no meio dessa equação é o que faz toda a diferença e é o que move as duas raças a se unirem. A raça vegetal com poderes telepáticos nunca me interessou, seu visual de árvore com arbusto nunca se mostraram perigosos na minha opinião. E por isso sinto que fui enganado por Empyre #1 – mas no bom sentido.

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Blog Farofeiros

Os Vingadores e o Quarteto Fantástico também foram enganados, a minha visão e a deles era a mesma. Nada é tão simples como se imagina, mas você vai entender, porém precisamos começar pelo início.

A origem dos Cotati

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Blog Farofeiros

Os Cotati eram uma raça pacifista que dividia o planeta Hala com a raça fascista Kree. A história se complicou ainda mais com o aparecimento dos Skrulls oferecendo tecnologia em troca de lealdade. Para isso as duas raças deveriam competir para mostrar qual era a real merecedora.

Enquanto os Cotati criaram um jardim com cementes ancestrais os Kree criaram uma enorme cidade, que viria a se tornar a cidadela nos Inumanos na área azul da lua. Com medo de serem sobrepujados pelo jardim os Krees decidiram pela eliminação dos Cotati tanto na Lua da Terra como em Hala.

Ao serem mortos os Cotatis secretamente deixaram cair sementes suas que germinaram. Anos depois em Hala eles inclusive foram ajudados por um grupo pacifista Kree que junto com os Cotati formaram o Priests of Pama. Este grupo conseguiu inclusive transportar secretamente sementes dos seres vegetais para diversos outros planetas. Obviamente o planeta Terra é um deles.

A última vez que esses seres foram vistos no Universo Marvel foi durante Aniquilação, no quadrinho Annihilation: Conquest – Quasar #1 de 2007. Mas houve uma aparição em Starbrand & Nightmask #5 de 2015, onde um Cotati chamado Trrunk morre. Mas os dois Cotati mais conhecidos são provavelmente Espadachim e Mantis. Os dois foram, de formas diferentes, dominados e até revividos pelas forças da raça alienígena.

O Messias Celestial

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Sequoia - Blog Farofeiros

Não posso reclamar que fui enganado por Empyre #1, se tem messias na história é 99,9% de certeza que tem maracutaia.

Para continuar falando dos Cotatis é preciso lembrar do personagem Sequoia e sua a profecia do Messias Celestial. A profecia diz que o Messias Celestial surgiria quando a humana perfeita – a Madonna Celestial – se unisse com o homem planta perfeito dos Cotati. Nesta história Mantis é a Madonna Celestial enquanto o Espadachim é o humano perfeito ao ser revivido como um Cotati.

Dessa união nasceu a criança perfeita destinada a mudar o universo. Sim, o filho da Mantis com Espadachim é tudo isso. Sequoia que foi criado nos EUA até ser raptado e levado para um local no espaço onde seres criados pela Morte consumiam o tempo.

A história está super resumida aqui neste texto, mas até Kang, o Conquistador, e até seguidores de Thanos chamados Thanosi. E não se assuste se não se lembrar dessas histórias, elas foram publicadas a partir de 1986 e acabaram desembocando hoje aqui na nossa frente – ou melhor – em Empyre #1.

Mas e o Empirismo?

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Blog FarofeirosFui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Blog Farofeiros

Agora voltamos a falar do por que fui enganado por Empyre #1. Uma raça pacifista cansou de sofrer com os desmandos e genocídios recorrentes contra si, desenvolveram um majestoso plano de vingança que levou milênios para se concretizar.

Com os Vingadores ao seu lado e uma frota Kree e Skrull batendo a sua porta quem se diria não ao pedido de ajuda da raça verdejante, pacifista e oprimida? Pois é, Empyre chegou, mas não é a união entre Krees e Skrulls, mas sim a violenta e vingativa ascensão dos Cotati arquitetada de da década de 80.

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Blog Farofeiros

Sim, me pegaram desprevenido.

Do outro ponto da profecia temos Hulkling que terá um papel importante nesta batalha. O que a Marvel Comics irá aprontar não sei dizer, mas criei esperanças de ver algo realmente interessante com esta primeira edição. Não achei que ficaria tão feliz ao perceber que fui enganado por Empyre #1

Fui enganado por Empyre #1 - Vingadores - Quarteto Fantástico - Kree - Skrull - Cotati - Sequoia - Blog Farofeiros

Por Rodrigo Castro

Pai. Marido. Gamer. Colecionador. Desenha, pinta, escreve e bebe. Hippie que resolve tudo.

Depois de tentar escrever a sério viu que a vida é uma piada e largou a mão da mídia tradicional para virar um comunista que só lê gibis de super herói norte americano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.