Categorias
Games

Meu Xbox 360

Quando comprei meu Xbox 360 traí o movimento Nintendo?

Este ano estou cheio de novidades, muitas mesmo, mas não vou detalha-las para você não morrer dormindo com minhas histórias de tiozão. Mas contarei uma história e sim, é uma história de tiozão sobre meu Xbox 360. Sou Nintendomaníaco com “ene” maiúsculo e, para a surpresa geral, decidi flertar com a vizinha de olhos verdes.

A minha vida gamer sempre girou ao redor da Nintendo, não digo que era um amor incondicional… não era… mas sempre que podia arrumava um dinheirinho… Não para jogar no fliperama, mas para comprar sempre um jogo novo e jogar com meus amigos do prédio. Esses amigos do prédio também estavam na onda do videogame… Era uma farra só juntar a galera para jogar Atari e Nintendinho. E sabe o que era demais? Metade da turma era de garotas! Sim elas chutavam bundas e pelo menos uma era lésbica. Voltando a jogatina desenfreada: cartuchos originais e piratas sempre rondavam por aqui, afinal não havia distribuição oficial na época do Nintendo 8 bits.

Meu Xbox 360 - Gears of War 3 - Blog Farofeiros

De lá para cá tudo mudou. Paramos de medir os bits de nossos videogames e entramos em uma era muito mais imersiva com controles com sensor de movimento, ou só o sensor de movimento… estamos no futuro onde um iPad consegue vencer qualquer computador de sua infância. Como Nintendomaníaco comprei, mesmo que tardiamente, meu console Wii.

Tenho todos os jogos que quero. Tenho uns que não queria também, mas comprei… Só fui pegar a “manha” com o Wiimote muito tempo depois de ter comprado… hoje eu sou um jogador casual, não hardcore na época dos 8 bits. E Rock Band não foi mencionado ouviu!

E eu jogo mal viu… como sou ruim… Mas sou um gamer feliz. Pena que o Wii não seja um videogame para mim. Explico: tanto o visual como o catálogo de jogos buscam chamar a atenção de gamers muito mais novos que eu. O visual de algum produto Apple do Wii não é por acaso, sem falar que os jogos são simplistas demais… E nem vou discutir a parte gráfica do Wii que é uma palhaçada – aliás, o Wii U para mim é uma piada.

Meu Xbox 360 - Gears of War 3 - Blog Farofeiros

Sabendo disso tinha que começar a olhar a concorrência: PS3 e Xbox 360. Do lado do PS3 o que valeria a pena é que o videogame é um player de blu-ray da errrgh Sony… O catálogo de jogos não me surpreendeu muito, o que me interessou mesmo foi a retro compatibilidade. Talvez arrumar um cdzinho de Chrono Trigger ou algo do tipo.

Quando chegou na hora de avaliar o Xbox 360 eu quase chorei com a quantidade de FPS que o console tem… Gênero de games que adoro, mas confesso que só isso complicaria, precisava de mais. 

Um mês atrás decidi que iria comprar um dos dois consoles e de tanto pensar no assunto meio que decidi na rua, a caminho da loja. Procurei pelo PS3 e procurei pelo Xbox 360… Que susto quando vi o console.

O vendedor estava mostrando a caixa para outro cliente quando meus olhos ficaram gordos quando vi o console em edição especial de Gears of War, e olha que eu nem conhecia o jogo! Comprei alguns jogos, encomendei outros e assim estava feito, sim amiguinhos eu traí a Nintendo. 

Meu Xbox 360 - Gears of War 3 - Blog Farofeiros

Comprei cabo HDMI, pilhas recarregáveis… não comprei mais coisas pois não podia… Meu saldo bancário agradeceu e mandou um abraço. Até apareceu um doido querendo comprar só os controles do videogame… Ao chegar em casa liguei de imediato na TV de LED e no home theater para explodir minha cabeça. Eu era um feliz dono do console caixa redonda feito pela Microsoft. Você não faz ideia de como isso era impossível para mim…

No meu Xbox 360 tinha muitas outras opções de jogos mais adultas e menos constrangedoras como Burnout, Final Fantasy XIII, Dead Island e o próprio Gears of War 3.

Jogos com substância para que eu queira jogar mais e de  outras maneiras… Tá certo que tem 84780374023890 de FPS, mas são diferentes um do outro, sem contar a parte de se jogar de cabeça na Live!

 E aí, depois disso tudo a Nintendo lança um controle que se parece com um tablet. A Microsoft não é inventiva como a Nintendo e apesar do Kinect ser sensacional eu não o desejo de forma alguma… Cansei de jogos com movimentos bestas, já bastam os que joguei no Wii.

A guerra dos consoles demorou para chegar aqui, mas agora que chegou faremos jorrar sangue!

Por Rodrigo Castro

Pai. Marido. Gamer. Colecionador. Desenha, pinta, escreve e bebe. Hippie que resolve tudo.

Depois de tentar escrever a sério viu que a vida é uma piada e largou a mão da mídia tradicional para virar um comunista que só lê gibis de super herói norte americano.

3 respostas em “Meu Xbox 360”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.