Nintendo apresenta detalhes do Switch

Escrito por | Artigos, Games


Para quebrar as pernas da geral a Nintendo fez uma apresentação na madrugada passada mostrando seu novo console, o Nintendo Switch, que será lançado já dia 3 de Março de 2017.

Abaixo você confere a apresentação completa… sem antes ser enrolado por um dj chatão, pode ir pulando 😛

Nintendo Switch Presentation 2017

Ficha técnica

A Nintendo detalhou pouco o hardware do Switch durante o evento em Tóquio e… não impressionou…

O dispositivo principal, que funciona como um tablet mas ninguém chama assim, possui 6,2 polegadas e resolução de 1280 x 720 pixels, apesar do tamanho ser igual ao do GamePad do Wii U a resolução é um pouco melhor e inferior à uma grande maioria de tablets disponíveis no mercado. Fora da doca, funcionando como portátil, a resolução cai e fica com apenas 720p mas acoplado no dispositivo de processamento sobre para 1080p. É importante lembrar que o aparelho tem conexão para dispositivos HDMI também.

A recarga é feita pela porta USB do tipo C, segundo alguns sites não é um problema já que o consumo do aparelho na doca seria muito baixo, enquanto está ligado a sua doca que utiliza um adaptador AC normal. Quanto a duração da bateria a Nintendo foi bem evasiva afirmando que varia de acordo com o jogo mas variando entre duas e seis horas e meia. Nenhuma informação quanto à bateria dos controles foi dada… e o console será lançado em Março maluco!

Como sempre a Nintendo surpreende na pouca capacidade de seus produtos, o Switch possui uma impressionante memória interna de 32 GB. Tal capacidade de armazenamento é inferior até que o do meu celular… a memória poderá ser expandida com cartões microSD, sim amiguinhos, igual a um celular.

A torre, ou doca, tem pelo menos duas portas USB com funções que não ficaram claras na apresentação, mas acessórios como adaptadores de rede para acesso à internet via cabo deverá ser ligado à ele e não ao tablet. Surpreendentemente a capacidade de conexão com outros Nintendo Switch de maneira local via Wi Fi é de oito sistemas… com a função de juntar oito consoles em um mesmo lugar é um mistério.

Informações sobre sua CPU e placa gráfica não foram divulgadas espera-se no entanto que seu processamento acompanhe a geração atual de consoles.

Valores de lançamento

Ainda estou muito assustado com o lançamento anunciado para 3 de Março, parece muito pouco tempo para vender algo que temos tão pouca informação, essa data foi confirmada para o Japão, EUA, Canadá, na maioria dos países da Europa, Hong Kong entre outros mas não espere que o Brasil esteja nessa lista de lançamentos oficialmente. A pré-venda já começou em alguns sites americanos como Amazon e BestBuy em duas versões, uma com os controles Joy-Con cinza e outro com azul e vermelho neon bem brega.

O valor não é para qualquer um também US$ 300. Mais caro do que o PS4 original na Amazon americana por exemplo. O valor corresponde apenas ao console, não inclui jogos ou controles adicionais.

Os acessórios não são dos mais baratos também, a doca custa US$ 90, cada um dos controles Joy-Con custa US$ 50 mas se comprado o conjunto o valor fica por US$ 80. O Pro controller é mais salgado e não acompanha o sistema, sai por US$ 70.

Os jogos seguem os preços da geração atual de US$ 60, com jogos de catálogo do Wii e GameCube variando entre US$ 30 e US$ 50. Um serviço de assinatura online que não foi muito detalhado mas que dará jogos grátis, nos mesmos modelos da PSN e Xbox Live provavelmente.

Jogos

Não são muitos, em sua maioria não são exclusivos e parecem visar o mercado japonês. Abaixo você fica com o que acho que teve algum destaque. Alguns jogos como Splatoon e Arms são ideias tão batidas que nem mereciam estar na apresentação.

Além da confirmação de uma versão de Skyrim foi anunciado Minecraft: Story Mode, Rayman Legends: Definitive Edition, Has Been Heroes, Project Sonic 2017, I Am Setsuna, Skylanders Imaginators, Nobunaga’s Ambition: Sphere of Influence, Puyopuyo Tetris S, Disgaea 5, Minna de Waiwai! Spelunker, Sangokushi 13, Dragonball Xenoverse 2 e Farming Simulator.

Super Mario Kart 8 Deluxe
Estranhamente não estava na apresentação da Nintendo mas é claro que o console novo terá um novo Mario Kart. O “destaque” fica por conta de Link e dos protagonistas de Splatoon. O resto está igual.

The Legend of Zelda: Breath of the Wild
Mais um Zelda, aparentemente o jogo inicial que mais irá exigir do hardware do console.

Super Mario Odyssey
Super Mario aparece ao lado de humanos normais e fica claro: SUPER MARIO É UM ANÃO!

Sonic Mania
Para mim a Nintendo acionou o botão da tática do desespero ao adicionar um jogo desses na apresentação de seu novo console. Não adiciona nada ao seu catálogo de jogo, sem falar que nem exclusivo é.

Xenoblade Chronicles 2
Jogo japonês para o mercado japonês. Você não é importante.

Super Bomberman R
Conseguiram ressuscitar mais uma franquia antiga, eu quase fiquei feliz, mas aí eu assisti o vídeo.

1-2 Switch
Podemos chamar este jogo de Wii Sports 2. Ou é o 3?

Controle parental
Só por que achei bem engraçado o Bowser preocupado com o que o Baby Bowser anda jogando. Em um console da Nintendo cheio de jogos adultos

Nintendo Treehouse

O evento da Nintendo mostrou mais alguns jogos, entre eles Ultra Street Fighter II, comemorando os trinta (!!!) anos de Street Fighter e um ping pong invisível.


Conclusão dessa confusão

Mesmo sem muita esperança eu aguardava mais da Nintendo. No teaser do Switch não ficou claro como agora, mas ele é uma versão atualizada do Wii, sempre se baseando nos acelerômetros dos controles para o movimento que possuem uma resposta pobre. Com o Switch me parece ainda pior já que não tem a barra para captar sinais infravermelhos, como haverá precisão nos controles é um mistério.

O pouco anunciado de seu hardware foi decepcionante e as semelhanças com um tablet qualquer de mercado me assustam, afinal ninguém pode dizer que usar um tablet para games é uma novidade. Os controles pequenos demais serão uma desvantagem para muitos, sem falar que a empresa continua querendo dar uma cara de brinquedo para seus consoles, nada atraente para quem consome os consoles e compra mais de um jogo.

Esse lançamento repentino me preocupa também, a pré-venda já aberta com tão pouca informação nunca é um bom sinal para o consumidor final. Parecem afobados para vender logo antes que descubram que um tablet qualquer cumpre melhor as funcionalidades deste console.

Aconselho para que fique longe da pré venda, aconselho aguardar o lançamento de games de outras empresas para o console para ver se realmente vale a pena ter mais um console empoeirado da Nintendo em sua sala ou se você espera a próxima geração e coloca o dinheiro desse console na poupança.


Última alteração: 13 de fevereiro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.