Categorias
Quadrinhos

Crivella censurou os Vingadores

Censurar quadrinhos está na moda então o Crivella censurou os Vingadores.

Sabe esse povo ignorante que transformou em moda interromper e xingar em eventos culturais? Pois é, esse mesmo povo que votou em fascista descobriu um gibi lançado em 2010 nos EUA aqui no Brasil que tem um beijo gay. Aí o prefeito do Rio de Janeiro tomou como absurdo o beijo gay na Bienal do Livro e mandou retirar o item do evento. O Crivella censurou os Vingadores por conta de um beijo.

A censura em cima do gibi dos Vingadores é só mais um até político babaca de conservadores sem instrução alguma. A frágil masculinidade deste povo e até o medo de limpar a bunda é o que fez Crivella censurar o quadrinho. Só é mais um triste fato da política se tornando uma inquisição com medo da evolução do ser humano.

Crivella censurou os Vingadores - Cruzada das Crianças - Wiccano - Hulkling - Bog Farofeiros - 04

A ignorância e o medo é o que dá aos responsáveis por essa censura o seu lucro, o dinheiro. Seja na igreja, seja no palácio (sic) do governo. O perigo para o país não é uma história em quadrinhos com beijo gay, é a irresponsabilidade dos governantes que permitem que uma escola deixe de dar aula por conta de tiroteio.

A história, o contexto e os valores que são valorizados pelo arco Cruzada das Crianças não foi levado em consideração e momento algum. Na história de  Allan Heimberg, desenhada por Jim Cheung, Wiccano, filho da Feiticeira Escarlate, precisa encontrá-la para ajudá-lo a controlar seus poderes. O personagem é gay e tem um relacionamento com Hulkling.

Crivella censurou os Vingadores - Cruzada das Crianças - Wiccano - Hulkling - Bog Farofeiros - 01

O Homem de Ferro, o Capitão América, a Capitã Marvel e um monte de outras pessoas que usam roupas coloridas não tem problemas com duas pessoas se beijando. O Crivella censurou os Vingadores por ser um ignorante, por não saber o que é amor e não saber o que é demonstrá-lo.

O artista Jim Cheung em seu Instagram mostrou sua posição que, não surpreendentemente, segue a lógica.

Pessoal, precisamos proteger nossas crianças de políticos demagogos que vendem a imagem de puritanos enquanto roubam recursos da saúde. Não há idade para que a demonstração de igualdade, não há limite para o amor que podemos ter ao próximo. Amor não é conteúdo sexual… A não ser que agora o Brasil tenha se transformado nos Emirados Árabes.

Celebrar tortura tá tudo bem, o que não pode é gente se beijando.

Crivella censurou os Vingadores - Cruzada das Crianças - Wiccano - Hulkling - Bog Farofeiros - 03

A parte boa disso é que  gibi está recebendo um destaque que não havia, ou seja, o tiro saiu pela culatra e tenho certeza que Vingadores – Cruzada das Crianças terá um bom aumento nas vendas. Em nota a Bienal do Livro anunciou que não irá retirar o gibi do evento. Segundo o G1 a organização se firmou como um festival plural, onde todos são bem-vindos e estão representados. Painéis de literatura Trans e LGBTQA+ estão planejados.

Mas este é só mais um triste dia para os brasileiros, fãs de quadrinhos ou não, que ainda irão sofrer muito com a censura. O poder público não pode ser maior que o povo.

Atualização dia 7 de Setembro de 2019.

Apesar do ódio inclusive em nossa conta do Instagram posso dizer que a maioria das reações é positiva. O que é um ótimo sinal do povo brasileiro diante de tanto fascismo. A Folha de S. Paulo, em pleno Dia da Independência também colocou o amor em sua capa.

E em uma atitude mais do que louvável, o youtuber Felipe Neto fez algo lindo: comprou todo o estoque de literatura LGBTQ+ exposto na Bienal do Livro e irá distribuí-los gratuitamente no evento. Abaixo você confere o vídeo.

E como bônus ainda vemos Caetano Veloso comentando o vídeo acima.

Atualização 8 de Setembro de 2019.

Depois de perdermos mais curtidas ainda na Instagram o sempre oportuno Meteoro Brasil lançou seu vídeo explicando com toda calma do mundo toda a história. E você pode assistir o vídeo e mandar no grupo de Whatsapp da família, mas só se você quiser.

E no final, apesar dos pesares, o amor venceu.

Por Rodrigo Castro

Guru de bobajada, coach de piadas sem graça e sommelier de ironia. Também é leitor de gibi e jogador profissional de videogames no easy.

6 respostas em “Crivella censurou os Vingadores”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.