Categorias
Besteirol

Akuma Woke!

Está confirmada a adição de Akuma Woke em Street Fighter!

A Capcom, em uma atitude revolucionária, acaba de confirmar que o comunismo venceu e que isso irá alterar toda a sua linha de produtos. O principal deles é, no momento, a divulgação do Akuma Woke. Isso segue um movimento mundial iniciado recentemente pelo presidente do mundial, o comunista Joe Biden dos Estados Comunistas da América.

Tal demonstração ocorre com o personagem falando a palavra DEMON que, invariavelmente, é uma referência ao Pride Month, ou priDEMONth para os especialistas. O Ken Farofeiro foi a primeira ação dessa nova linha editorial da Capcom que pretende acabar com todo o conteúdo sexista dos seus jogos além de inserir comandos ao 5G implantados em todos os seres humanos.

Akuma Woke - Wokuma - BLOG FAROFEIROS

No entanto, a decisão não foi recebida sem controvérsias. Alguns fãs conservadores criticaram a mudança como um exemplo de “politicamente correto”, enquanto outros sugeriram que a Capcom está cedendo a pressões de grupos considerados “Woke”.

Enquanto isso, a comunidade “Woke” celebrou a decisão como um avanço na direção certa para a inclusão e representatividade na cultura dos jogos. Em diversas capitais pelo mundo hove comemoração, no Brasil a cantora Pablo Vittar fez um show surpresa enquanto jogava a nova versão de Castlevania Synphony of the Night Remake, o qual será protagonizado por ela.

Seguindo a nova ordem mundial é interessante ver que outras mídias já seguem o mesmo sentido. X-Men’97, com os mutantes woke e até Harry Potter que substituíra suas varinhas por consolos mágicos para acompanhar as já famosas mamadeiras de piroca.

O Akuma Woke, ou Wokuma, será implementado em todas as versões digitais de todos os Street Fighter até dia 3 de Maio de 2024. As cópias físicas só terão acesso liberado nos consoles mediante atualização. Me parece que o comunismo luxuoso totalmente automatizado gay espacial não para de crescer, será que os gamers irão sobreviver?

Via.

Por Rodrigo Castro

Debochado e inconveniente. Escritor, roteirista e designer de brincadeirinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile