Capitão América: O Primeiro Vingador (2011)

capitao-america-filme-2011-cartaz

Steve Rogers (Chris Evans)é um jovem norte-americano que quer apenas o que todos queriam na época: defender seus ideais e chutar bundas nazistas! Porém, digamos, ele não tinha porte para ser convocado para adentrar na Segunda Grande Guerra.

Até que o destino resolve colocar o baixinho magricelo á frente de um projeto super secreto do exército americano. Neste projeto eles tentam criar o soldado perfeito através de um soro milagroso, que tornava o “paciente” em  um super soldado marombado, alto entre outras coisas.

Aliás, Hulk e Capitão América compram calças no mesmo lugar, por que o povo fica marombado, dobra de tamanho, fica gigante e verde e nada das calças rasgarem por completo! Ah é, esqueci que o problema com cuecas é da DC Comics!

capitao-america-filme-2011-caveira-vermelha

O projeto sofre um atentado fazendo como vítimas os equipamentos, fórmulas e o criador delas, sem poder duplicar o efeito Steve Rogers se apresenta em shows motivacionais para as tropas… bem, eles preferiam as mulheres dançando… Até que Rogers escuta as baixas de um pelotão e identifica o nome de seu amigo Bucky Barnnes. O Capitão faz de conta que não ouviu a América e parte para o resgate, dentro de uma fortaleza nazista com “experimentos” da divisão comandada por um sujeito muito estranho, o Caveira Vermelha (Agente Smith, oh droga, Hugo Weaving), que utiliza um cubo energético como fonte de energia de diversas armas de destruição avançadas demais para a época.

Capitão América junto com os Howling Commandos partem para cima do vilão e suas experiências até que, na batalha final contra o Caveira, Rogers precisa sacrificar-se para impedir mais danos ao mundo pela maluquice do vilão.

capitao-america-filme-2011-howling-commandos

Com o Capitão considerado morto, Howard Stark acaba resgatando a fonte de poder do Caveira, um Cubo Cósmico. Este seria passado futuramente a um humano sugestionado por Loki (clique aqui ou veja o filme Thor).

Nesta mesma época um grupo de pesquisadores acaba encontrando um avião congelado e, surpreendentemente, encontram o herói lá congelado a setenta anos, fazendo-o acordar em um mundo desconhecido e tendo que mostrar, mais uma vez, o quão durão ele é!

O filme não é o mar de americanismo que se imagina… mesmo com toda minha zoação, é sério quando digo que isso nem me atrapalhou! Afinal, filme sobre a Segunda Grande Guerra só é interessante quando feito por norte-americanos. A ligação com o filme do Homem de Ferro e Thor é bacana demais para os fãs do gibi e os que não gostam não ficam boiando no vinagre! Caramba, até o do segundo filme do Hulk é legal!

A introdução do Cubo Cósmico, praticamente uma lâmpada do Aladim nos gibis, não é exagerada, só achei estranho o Caveira Vermelha morrer(?) caindo em direção a Asgard (clique aqui ou veja Thor… é sério). Clique aqui e veja o teaser trailer de Os Vingadores!

No mais… hm… só faltou ele dar uns supapos borduadas empurrões bem dados com o escudo, tipo headbutt, manja?

 Site oficial.

IMDb

capitao-america-filme-2011-cartaz-retro* Quando Bucky e Steve entram na exposição “do futuro” aparece um tubo de vidro contendo a roupa do Tocha Humana original (vermelho paixão vermelhão) durante a apresentação do carro voador de Howard Stark, sim, ele é o pai do Tony Stark, o Homem de Ferro! Os bigodes devem ser uma herança genética!

** Não sei se foi premeditada a inclusão do uniforme do Tocha Humana original, já que o ator Chris Evans interpretou a versão contemporânea do herói nos dois filmes do Quarteto Fantástico, outra franquia da Marvel Comics. Mas não assistam esses filmes, são muito ruins!

*** Dum Dum Dugan, o bigodudo de chapéu do grupo Howling Commandos ainda é um personagem ativo no universo Marvel. Depois da guerra ele e outros soldados (como Nick Fury) teriam tomado soros parecidos ao de Rogers, isso explicaria a longevidade deles! Talvez ele apareça no filme dos Vingadores!

**** Não sei como traduziram Howling Commandos e estou morrendo de medo de saber… é sério!

***** Stan Lee aparece neste filme para condecorar Rogers, pena que o Capitão falta e o idoso militar quase premia o mensageiro: “Pensei que ele fosse mais alto!

Veja também


Rockerz

Irônico e inconveniente desde 1980.


  1. Tá aí um filme que me supreendeu! Eu sempre tive um preconceito do Capitão América (esse lance de sonho americano, patriotismo exagerado e tal, sempre achei chato, então nunca fui atrás de conhecer o personagem direito), mas o filme conseguiu mostrar isso sem ficar babaovo dos EUA, pelo contrário, o personagem ficou muito legal. Agora esperar pelo Vingadores!

Comente:

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados com *